NAS PEGADAS DO MESTRE JESUS
Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Abril 2017
SegTerQuaQuiSexSabDom
     12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

Calendário Calendário

Quem está conectado
34 usuários online :: 1 usuário cadastrado, Nenhum Invisível e 33 Visitantes :: 2 Motores de busca

Jahyr

O recorde de usuários online foi de 473 em 30th Agosto 2014, 11:05 pm
Social bookmarking

Social bookmarking Digg  Social bookmarking Delicious  Social bookmarking Reddit  Social bookmarking Stumbleupon  Social bookmarking Slashdot  Social bookmarking Yahoo  Social bookmarking Google  Social bookmarking Blinklist  Social bookmarking Blogmarks  Social bookmarking Technorati  

Conservar e compartilhar o endereço de <a href="http://oulorivallan.forumeiros.com/">nas pegadas do mestre JESUS</a> em seu site de social bookmarking

Conservar e compartilhar o endereço de NAS PEGADAS DO MESTRE JESUS em seu site de social bookmarking

Conectar-se

Esqueci minha senha

Flux RSS


Yahoo! 
MSN 
AOL 
Netvibes 
Bloglines 


Votação
Estatísticas
Temos 4123 usuários registrados
O último usuário registrado atende pelo nome de DemiKopf

Os nossos membros postaram um total de 29500 mensagens em 12453 assuntos

Deus prometeu fazer-nos felizes?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Deus prometeu fazer-nos felizes?

Mensagem por Ricardo Mendes em 25th Outubro 2016, 11:57 am

[size=48]Deus prometeu fazer-nos felizes?


Published by Clodoaldo Machado on 25/10/2016[/size]

A felicidade tem sido o alvo da humanidade. Todos afirmam que têm a felicidade como objetivo de suas vidas. De fato tudo é estabelecido com base nisto. É aceitável que alguém troque de emprego se está infeliz. Se alguém troca de curso na universidade afirmando que não estava se sentindo feliz, a razão é aceita pela maioria das pessoas como válida. Se alguém não está feliz com seu casamento, também pode trocar de cônjuge, afinal ser feliz é o que vale. A felicidade é tida como um direito de todo ser humano.
Quando pensamos em Deus, sabemos que Ele é bom, que é galardoador de boas dádivas, que tudo que é bom vem dEle, então também pensamos que Deus nos dará a felicidade, pois ela é muito boa. Quando vemos as pessoas infelizes falamos para elas que isso é falta de Deus, e que se tivessem um relacionamento com Ele não seriam assim tão infelizes. Chegamos mesmo a prometer para as pessoas que se vierem para Jesus serão felizes. O que o homem deseja é ser feliz, e tudo o que for feito dentro do padrão aceito pela sociedade, visando atingir este alvo, será compreendido.
A questão, no entanto é: Deus prometeu fazer-nos felizes?
Vemos Deus como sendo tão bom que a pergunta parece impertinente. “É claro que Deus prometeu isso”, alguém dirá. “Essa é a melhor coisa que alguém pode ter. Maior que bens materiais, maior que dinheiro, que o sucesso, se Deus é bom fará isso por nós.”
Entretanto não há essa promessa na Bíblia. Deus não prometeu fazer-nos felizes. Deus prometeu sim fazer-nos santos. Toda sua obra visa libertar-nos do poder do pecado, tornar-nos parecidos com seu Filho Jesus Cristo, para que com isso possamos habitar no céu eternamente. O objetivo do homem é a felicidade, o de Deus é a santidade.
Deus quer que compreendamos esta verdade: Ele deseja fazer-nos santos. Isto não significa dizer que servir a Deus é sinônimo de infelicidade. O crente não é infeliz. A verdade é que a felicidade no plano de Deus é o resultado de uma vida santa. Deus não quer que vivamos ansiosos pela felicidade, que façamos tudo em busca dela. Isso é obra do homem sem Deus. Deus quer que estejamos contentes em toda e qualquer situação, quer que aprendamos a depender dEle, que desejemos ser santos como Ele é. São estas coisas que o crente deve desejar. Quando o crente entende e tira a felicidade do primeiro lugar de sua vida então Deus começa a torná-lo feliz. Por isso Davi escreveu: Agrada-te do Senhor, e Ele satisfará os desejos do seu coração. (Salmo 37.4). Em outras palavras Davi estava dizendo: Seja Deus suficiente para você, esteja contente com Ele, procure fazer sempre a vontade dEle em primeiro lugar. Como resultado Ele satisfará o que o seu coração deseja. Portanto a felicidade para o crente não é seu objetivo, é a conseqüência do seu desejo de agradar a Deus. Enquanto este mundo corre desesperadamente atrás da felicidade, o crente sábio corre atrás da santidade, pois ele sabe que Deus prometeu fazê-lo santo, e a felicidade então, será só uma conseqüência.
Pr.Clodoaldo Machado

_________________
Ricardo Mendes

Ricardo Mendes

Mensagens : 229
Pontos : 571
Data de inscrição : 23/11/2014
Idade : 53
Localização : rj

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum