NAS PEGADAS DO MESTRE JESUS
Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Últimos assuntos
Janeiro 2018
SegTerQuaQuiSexSabDom
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031    

Calendário Calendário

Quem está conectado
21 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 21 Visitantes :: 1 Motor de busca

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 473 em 30th Agosto 2014, 11:05 pm
Social bookmarking

Social bookmarking digg  Social bookmarking delicious  Social bookmarking reddit  Social bookmarking stumbleupon  Social bookmarking slashdot  Social bookmarking yahoo  Social bookmarking google  Social bookmarking blogmarks  Social bookmarking live      

Conservar e compartilhar o endereço de <a href="http://oulorivallan.forumeiros.com/">nas pegadas do mestre JESUS</a> em seu site de social bookmarking

Conservar e compartilhar o endereço de NAS PEGADAS DO MESTRE JESUS em seu site de social bookmarking

Conectar-se

Esqueci minha senha

Flux RSS


Yahoo! 
MSN 
AOL 
Netvibes 
Bloglines 


Votação
Estatísticas
Temos 4298 usuários registrados
O último usuário registrado atende pelo nome de Amílcar Pona

Os nossos membros postaram um total de 30125 mensagens em 13048 assuntos

Casamentos com outros irmãos de outras igreja - Para se pensar...

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Casamentos com outros irmãos de outras igreja - Para se pensar...

Mensagem por Lourival soldado cristão em 22nd Setembro 2010, 3:01 pm


Casamentos com outros irmãos de outras igreja

Para se pensar...

Temos cerca de sete Bilhões de pessoas no nosso planeta.


Somente cinco milhões são da CCB (Ou seja, 599.500.000 de pessoas vão para o inferno, pois não são considerados nossos irmãos).


Sendo que a maioria são mulheres cerca de três milhões são mulheres e apenas dois milhões são homens (um milhão de Irmãs estão condenadas a ficar sem alguém do sexo masculino da CCB).

Ou seja, um milhão de mulheres está sem um par do sexo masculino!

O ensinamento de que só devemos casas com servos de Deus é Real e correto, mas a questão principal é: quem é ou não servo de Deus?


Antigamente, ouvia-se falar de um lendário tópico que dizia que só a CCB salva, e todos que não são dela já são condenados. Após o trabalho de recuperação de tópicos antigos do grupo Juristas-CCB pude então conferir que a tal lenda é real!


Hoje os anciões já admitem que não apenas pessoas batizadas na nossa igreja serão salvas, e muitos desconhecem o tópico antigo que dizia o contrário, ou seja, nos dias de hoje, nós admitimos que nós não somos os únicos servos de Deus. Pessoas de outras igrejas também serão salvas (Não temos isso documentado em tópico).


O ensinamento de que só devemos nos casar com pessoas da CCB veio do tempo desse tópico que só admitia que Pessoas da CCB se salvassem... Agora que admitimos que pessoas de outra igreja também podem ser servas de Deus, então podemos nos casar com pessoas de outras igrejas.

OBS: Claro que o critério de escolha tem que ser bem refinado, pois poucas igrejas servem a Deus realmente. Temos mais de 26 mil igrejas evangélicas cadastradas no Brasil pelo IBGE.

Vejam a Frase criminosa que foi escrita certamente por um ancião de pouca cultura que nunca soube o número de pessoas que ele, soberbamente, estava condenando (599.500.000):

"O Senhor nos guiou em que só sejam considerados nossos irmãos aqueles que se batizam entre nós. Na obra de Deus, não temos parentes nem amigos, todos somos iguais e quem não está na doutrina não é considerado como irmão nem tem liberdade nos cultos."
 
Será que ele conhecia de geografia? Será que ele tinha noção do numero de pessoas que habitam nosso planeta?

Irmãos, nossa igreja hoje vem nos manipulando e impondo fardos que, muitas vezes, nos conduz a um caminho infeliz por toda vida!



Casar com alguém que você não ama é um dos piores castigos que existe. Você deve se casar com quem ame realmente, aquela pessoa que seja o seu grande sonho... Mesmo que ela não seja de nossa igreja e ninguém pode te tirar sua liberdade por causa disso.

Os anciões só tiram a liberdade de pessoas frouxas e sem conhecimento de leis!


Aquele que quer se casar com alguém de outra igreja (que sirva a Deus com sinceridade) basta usar dos recursos da lei e dos direitos humanos. Muitos anciões desconhecem que tal ensinamento de não se casar com pessoas de outras igrejas se origina do mesmo ensinamento que condena todas elas. Hoje, se admitimos que outras igrejas também servem a Deus, então, estamos dentro do real ensinamento bíblico e dentro das leis civis!
 

Em construção

Exemplos de casais infelizes com a mentira que os fez casar alguém da CCB sendo que amavam servos de Deus de outras igrejas
Pessoas felizes casadas com pessoas de outras igrejas
Cuidados na escolha de pessoas de outras igrejas
Igrejas que...

Este texto esta em construção. Em breve comentários completos sobre os tópicos abaixo e como se defender deles.


Segue abaixo os tópicos sobre este ensinamento.
 


= TÓPICOS DE ENSINAMENTOS - 1968 =

I - RECOLHIMENTO DO IRMÃO SECRETÁRIO GERAL DO PARANÁ, ALEXANDRE ADIB ABDULACK

No dia 07 de setembro do corrente ano o Senhor se comprazeu recolher para o repouso eterno o nosso caro irmão Alexandre Adib Abdulack, Secretário Geral do Estado do Paraná. Este fiel servo esforçou-se por fazer a vontade do Senhor por todos os dias de sua vida, até o fim. Oremos por seus familiares a fim de que o Senhor conforte e console seus corações.

- II - NOVO SECRETÁRIO GERAL PARA O ESTADO DO PARANÁ

Nesta reunião é apresentado a todos o novo Secretário Geral para o Estado do Paraná. É o irmão David Rodrigues Alves, colocado por confirmação da parte de Deus, em substituição ao irmão Alexandre Adib Abdulack que já dorme no Senhor.

- III - NOVOS ESTATUTOS E INSTRUÇÕES

Em Assembléia Geral Extraordinária realizada a 12 de abril do corrente ano na Casa de Oração do Brás, em São Paulo, Capital, nossos. Estatutos foram alterados e consolidados. Com registro em São Paulo, tem validade para todo o Território Nacional. [...]


VI - CASAMENTOS COM ESTRANHOS À FÉ


Moços e moças que casam com estranho à nossa fé, costumávamos, aqui no Estado do Paraná, a cortar da comunhão da Igreja, não os considerando mais como irmãos. Anunciava-se isso perante a irmandade. Para este critério notava-se, entretanto um inconveniente. Posteriormente o Senhor dava lugar de arrependimento ao faltoso ou a faltosa, chamando a esta graça o cônjuge que não era crente, e às vezes batizando até a ambos com a promessa do Espírito Santo. Éramos então obrigados a recebê-los novamente na Igreja. Tal critério ocasionava confusão. Deliberam os servos de Deus que, a partir desta data, não mais serão cortados da Igreja os que se casarem com estranhos à fé: TIRAM-SE-LHES TOTALMENTE AS LIBERDADES NA CONGREGAÇÃO. Não poderão mais chamar hinos, orar, testemunhar, levantar com a palavra, nem exercer ministério algum ou ocupar qualquer cargo. Mas continuam com a liberdade de se congregar. Não podemos tirar-lhes o hinário, a Bíblia ou o véu, pois tais objetos lhes pertencem. E com referência a Santa Ceia, não podemos negar a tais irmãos e irmãs. Participar da comunhão da ceia do Senhor é caso de consciência. Como exemplo podemos mencionar a própria Palavra de Deus, onde se lê que Cristo Jesus não negou a ceia nem a Judas Iscariotes, havendo já o diabo colocado em seu coração trair o Divino Mestre. E também vem dito: Examine-se o varão a si próprio e assim participe deste pão e deste cálice. Portanto, a Santa Ceia não negamos.


Quando em nossa Congregação surgirem casos de moços ou moças que estão namorando com estranhos à nossa fé, podemos orar ao Senhor e chamar estes irmãos ou irmãs a conselhos, exortando-os a esperar no Senhor que Ele tudo prepare. Aconselhamo-los dentro da Palavra de Deus a não se unirem com um jugo desigual com os infiéis. Se estiverem realmente namorando pessoas não crentes, peçam forças ao Senhor e cortem prontamente o namoro, pois certamente Deus se agradará disso e abençoará grandemente quem se colocar dentro da obediência. Se a pessoa atender louvado seja Deus. Se não atender e o casamento vier a se realizar, faz-se então como foi ensinado nesta Reunião: Corta-se a liberdade da pessoa faltosa. Mas continua a ser considerada irmão ou irmã, podendo se congregar.

Convêm, os servos de Deus, sempre que o Senhor ponha isso adiante para falar, exortarem a mocidade a não se prender com jugo desigual com os infiéis. Que procurem um santo ou santa de Deus para se unir em matrimonio, clamando a Deus e esperando nele para dar um passo tão importante como esse. O moço tem mais responsabilidade do que as moças, pois há mais moças do que moços e as moças esperam que os moços as peçam. Se estes, que são em menor número, procurarem pessoas não crentes, a situação a se agravará ainda mais.


Quanto àqueles que, depois de se casarem com estranhos à nossa fé o Senhor perdoa e aceita novamente, não nos compete julgar o operar de Deus. A Obra é dele e não nossa.

Em conclusão: Quem casa com infiel perde o testemunho e é-lhe cortada toda liberdade. Mas cortar não cortamos. Todo membro do corpo que é cortado apodrece. E não queremos ser responsáveis pelo apodrecimento de alma alguma nesta Obra. E quem perdeu toda a liberdade poderá obtê-la novamente quando se notar, pelos próprios frutos, que Deus perdoou e recolheo novamente com a aprovação do alto. Ruth a Moabita, era estranha às Repúblicas de Israel. Mas humilhou-se e amou o povo de Deus e Deus a recebeu. De sua linhagem proveio Cristo segundo a carne. Em nosso meio também casais nas mesmas condições muitas vezes se tornam muito fervorosos, cheios de frutos de justiça. Assim, que os servos de Deus estejam sempre preparados com discernimento, justiça e equidade para julgar e considerar os casos, tendo sempre em mente os amestramentos que pelo Espírito Santo foram apresentados nesta reunião sobre este delicado assunto. Deus iluminará a todos, não permitindo que os servos de Deus interpretem estes assuntos de modo diferente.

Quando se vae batisar, sendo o servo de Deus um mandado do Senhor, para cumprir o mandamento deve usar as palavras “Em Nome do Senhor Jesus te batiso Em Nome do Pae, do Filho e do Espírito Santo” tudo conforme se encontra em S. Mateus XXVIII, vs. 19 e Atos II, vs. 38. Pois o sacramento que está cumprindo é um mandamento do Senhor Jesus. Sempre temos considerado que todos sejam batisados segundo o Senhor nos tem feito claro desde o princípio desta Obra. O Senhor nos guiou em que só sejam considerados nossos irmãos aqueles que se batisam entre nós. Na obra de Deus não temos parentes nem amigos, todos somos iguaes e quem não está na doutrina não é considerado como irmão nem tem liberdade nos cultos


 

Texto do Antigo site


Só nos possuímos a graça? só o batismo da CCB Salva?

Esta é um assunto muito importante para ser revisto pelos irmãos!

Uma das coisas que considero mais ridículas e preconceituosas entre os irmãos, sem duvida, é a mania de achar que somente a Congregação Cristã tem servos de Deus e é a única com monopólio da graça.

Essa opinião é formada por pessoas de pouca cultura que dizem já ter visitado e pesquisado todas as igrejas, só no Brasil o IBGE já cadastrou mais de 26 mil igrejas evangélicas diferentes!

Quero lembrar aos irmãos que cada uma dessas 26mil igrejas se dizem a melhor do mundo com mais presença do Espírito Santo que as outras e muitas delas também se denominam exclusiva com a graça, e desse pensamento soberbo do qual faz parte a CCB.

A grande maioria dos irmãos nunca visitou outra igreja antes de se batizar, e quase todos nunca entraram em pelo menos cinco igrejas dessas mais de 26mil!

Gostaria de lhes dizer que nas minhas pesquisas descobri que não é só na CCB que encontramos lindos testemunhos de mortos que ressuscitam, de curas e de verdadeiros milagres.

Mas vamos ao principal!

No mundo todo temos 5 milhões de crentes da congregação crista!

São 17 mil templos da congregação crista no mundo. No mundo temos mais de 7,5 Bilhões de pessoas.

Ou seja, temos sete Bilhões de pessoas condenadas por que não são da congregação cristã?

O Principal ancião da congregação Crista não foi Batizado na Congregação Cristã.

Nossos irmãos mudaram o Batismo ensinado por Jesus Cristo, acrescentando mais uma vez o nome de Jesus, sendo que Jesus é claro: “batizai em nome do Pai do Filho e do Espírito Santo”. A língua portuguesa é mais do que clara que não é necessário citar duas vezes o nome do Filho para dizer que esta sendo feito também em nome dele. Mas nosso ministério mudou dessa forma para que tivesse argumentos para dizer que nosso batismo é diferente dos outros.

Assim como também mudaram as cores da igreja que antigamente era Azul e Branco que acredito que simbolizava o Céu e a Paz para as cores Branca e Cinza para ficar diferente da Assembleia de Deus.

Outro detalhe muito importante é que o principal ancião da C.C não foi batizado na C.C, mas como isso? Quando a congregação cristã foi fundada o irmão fundador já era batizado vindo de outra igreja, e se o batismo dele não fora válido, por isso então todos os descendentes batizados posteriormente também não podem ter batismos válidos!

É a mesma coisa de dizer que Deus tem um pai, ou seja, Deus mesmo é o Pai dele! Mas quem é o Pai do Pai? Do pai que criou o Deus do pai? Do pai? E assim vai infinitamente.

Dizer que o Batismo de outros irmãos não é valido é a mesma coisa de dizer que o batismo do fundador da C.C também não é valido!

Quero ressaltar aos irmãos que em outras igrejas também vemos irmãos sendo selados com a promessa no tanque de batismo, mas não serei eu o primeiro a blasfemar chamando aquele espírito de Demônio que manifesta em batismos de outras igrejas.

Irmãos, assim que Batizei, eu tive um sonho como revelação que o meu batismo foi sincero, e, sendo novinho na graça, achei que todos eram santos; logo emprestei cheques para um irmão que me deu um golpe e por causa dele estou devendo muito!

Alguns irmãos que pegaram cheques meus emprestados a esse irmão que me caloteou imediatamente protestaram sem misericórdia e caridade. Mas uma senhora CATÓLICA quando soube me devolveu um cheque alterado pelo safado no valor de R$500,00 e arcou com a dívida...

Mas, coitada dela, vai pro inferno porque não é como os irmãos da CCB que me protestaram!

Texto em construção...




http://www.ccbverdade.com.br/casamentos.htm
avatar
Lourival soldado cristão

Mensagens : 11180
Pontos : 24680
Data de inscrição : 23/12/2009
Idade : 60
Localização : Sao paulo

http://ccbsemcensurasnaspeg.forumeiros.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Casamentos com outros irmãos de outras igreja - Para se pensar...

Mensagem por Peregrina em 25th Novembro 2013, 10:14 pm

Sobre a parte de casamento, existem pessoas surtando ainda por aí, sobre isso...e os da liderança nem se incomodam em ser claros sobre isso.

_________________
Porque para tudo existe um tempo.

Peregrina

Mensagens : 379
Pontos : 480
Data de inscrição : 16/07/2013
Localização : Espírito Santo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Casamentos com outros irmãos de outras igreja - Para se pensar...

Mensagem por Izaias em 26th Novembro 2013, 12:26 pm

por Peregrina Ontem à(s) 23:14

----
Sobre a parte de casamento, existem pessoas surtando ainda por aí, sobre isso...e os da liderança nem se incomodam em ser claros sobre isso.
Minha cara amiga, por favor, como sou um pouco "tapado", não consegui entender esta posição, pode, por favor, detalhar com mais palavras?

_________________
Afaste de si o veneno da lisonja. Não creia naqueles que o elogiam sem motivo. Prefira ouvir uma critica honesta, a um galanteio vazio.


avatar
Izaias

Mensagens : 2065
Pontos : 2479
Data de inscrição : 17/06/2011
Idade : 66
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Casamentos com outros irmãos de outras igreja - Para se pensar...

Mensagem por Lourival soldado cristão em 26th Novembro 2013, 10:59 pm

VI - CASAMENTOS COM ESTRANHOS À FÉ


Moços e moças que casam com estranho à nossa fé, costumávamos, aqui no Estado do Paraná, a cortar da comunhão da Igreja, não os considerando mais como irmãos. Anunciava-se isso perante a irmandade. Para este critério notava-se, entretanto um inconveniente. Posteriormente o Senhor dava lugar de arrependimento ao faltoso ou a faltosa, chamando a esta graça o cônjuge que não era crente, e às vezes batizando até a ambos com a promessa do Espírito Santo. Éramos então obrigados a recebê-los novamente na Igreja. Tal critério ocasionava confusão. Deliberam os servos de Deus que, a partir desta data, não mais serão cortados da Igreja os que se casarem com estranhos à fé: TIRAM-SE-LHES TOTALMENTE AS LIBERDADES NA CONGREGAÇÃO. Não poderão mais chamar hinos, orar, testemunhar, levantar com a palavra, nem exercer ministério algum ou ocupar qualquer cargo. Mas continuam com a liberdade de se congregar. Não podemos tirar-lhes o hinário, a Bíblia ou o véu, pois tais objetos lhes pertencem. E com referência a Santa Ceia, não podemos negar a tais irmãos e irmãs. Participar da comunhão da ceia do Senhor é caso de consciência. Como exemplo podemos mencionar a própria Palavra de Deus, onde se lê que Cristo Jesus não negou a ceia nem a Judas Iscariotes, havendo já o diabo colocado em seu coração trair o Divino Mestre. E também vem dito: Examine-se o varão a si próprio e assim participe deste pão e deste cálice. Portanto, a Santa Ceia não negamos. 








Na minha opinião é quase impossível uma união de pessoas de denominação diferente ,no caso da CCB com as demais ,pois tem muitos pontos incomum ,que são valorizados denominacional,pois começa pela crença que salvação só na CCB com a obediencia do batimo Liturgia ,e demais ,,a não ser que a pessoa tenha uma boa estrutura de conhecimento ,mas seria impossível a sua comunhão com a igreja denominacional ,por tanto não aconselho casamentos assim pois é pegar cão bravio pelas pontas da orelhas ,ou mergulhar em um mar de provas assim por diante !!
avatar
Lourival soldado cristão

Mensagens : 11180
Pontos : 24680
Data de inscrição : 23/12/2009
Idade : 60
Localização : Sao paulo

http://ccbsemcensurasnaspeg.forumeiros.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Casamentos com outros irmãos de outras igreja - Para se pensar...

Mensagem por MateusAlcântara em 26th Novembro 2013, 11:49 pm

Izaias, não creio ser você nessa foto... kkkkk
Lourival, é muito difícil mesmo. Eu me casaria com alguém que frequente outra denominação, mas acho passaria a frequentar a denominação dela, pois passaria um INFERNO na CCB.

_________________
MateusAlcântara
avatar
MateusAlcântara

Mensagens : 724
Pontos : 1084
Data de inscrição : 07/01/2012
Idade : 22
Localização : Ilhéus- Bahia

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Casamentos com outros irmãos de outras igreja - Para se pensar...

Mensagem por BRASIL2011 em 27th Novembro 2013, 3:46 pm

sabe irmãos e irmãs não é a mesma comunhão ai  iria a acontecer contenda entre os casal, porque poderá  acontecer a tal discussão por causa de doutrina a onde não leva nós a lugar nenhum ,somente para o inferno 
porque independente de nomes de igreja,  desde que vamos a DEUS com um cicero coração de maneira alguma ele nos jogara fora .
avatar
BRASIL2011

Mensagens : 941
Pontos : 1513
Data de inscrição : 23/05/2011
Idade : 61
Localização : jardim nazaré sp

Voltar ao Topo Ir em baixo

EXPLICAÇÃO AOS CARÍSSIMOS IRMÃOS.

Mensagem por Peregrina em 30th Novembro 2013, 4:37 pm


Queridos irmãos, eu separei a discussão na qual entraram porque não era relacionado com a questão que está envolvida aqui. O novo tópico pode ser encontrado aqui:


Discussão Gerada em Outro Tópico - Sobre Casamento e Afins

=)


Desculpem-me mudar as mensagens sem consultá-los, mas ia dar um trabalhão esperar a resposta de vocês via mensagem particular.




_________________
Porque para tudo existe um tempo.

Peregrina

Mensagens : 379
Pontos : 480
Data de inscrição : 16/07/2013
Localização : Espírito Santo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Casamentos com outros irmãos de outras igreja - Para se pensar...

Mensagem por Peregrina em 9th Janeiro 2014, 9:36 pm

Izaias escreveu:por Peregrina Ontem à(s) 23:14
Sobre a parte de casamento, existem pessoas surtando ainda por aí, sobre isso...e os da liderança nem se incomodam em ser claros sobre isso.
Minha cara amiga, por favor, como sou um pouco "tapado", não consegui entender esta posição, pode, por favor, detalhar com mais palavras?
Eu quis dizer que a liderança da Congregação Cristã no Brasil, o Papado dela, aquele que existe no "templo" do bairro Brás, em São Paulo, NÃO se esforça em nada para passar a ideia referente ao conceito de Igreja, e sim, de denominação. Se eu me casar, por exemplo, com um budista, estarei me casando com  uma pessoa de fé diferente com a minha.

Porém, em seu exclusivismo, de procedência maligna, o santíssimo ministério (se é que pode ser chamado de ministério) faz questão de continuar, de perpetuar a ideia de que só a Congregação Cristão no Brasil é quem salva e casamento com pessoas de outras denominações (porque a congregação é uma denominação) é JUGO DESIGUAL. Eu até hoje não vejo base bíblica para tal agressão psicológica e preconceituosa da referida.

O pior é que entre os membros, principalmente do interior, isso está TÃO DIFUNDIDO E ARRAIGADO que se mistura com os próprios valores das famílias.

Digo isso porque conheço pessoas que são casadas com membros de denominações diferentes, mas da mesma IGREJA (a de JEsus, só ele morreu por alguma), e que são felizes.

Como disse o irmão Lourival, como disse o Adam, Caio Fábio,como disse até mesmo o Malafaia... Casamento é um "negócio deste mundo", uma forma de relacionamento que pessoas, uma hora ou outra, vão procurar... E se estiverem debaixo do PRÍNCIPIO estabelecido de Deus, será abençoado por Ele. Quer o Ministério vote a favor ou não.

Quando disse a minha frase, foi neste sentido, de que, não importa se eu amo o rapaz, que ele me ame, que nós acreditemos que vamos ter um casamento de sucesso, que nos admiremos um ao outro... Como a raiz do mal não é extirpada (ou seja, eu sou de outra denominação), a família não aprova, e o cabra, com medo de "Deus" "pesar a mão" sobre ele e a família, prefere abrir mão de algo sólido e verdadeiro, e esperar a "confirmação de Deus" com alguém da COngregação. (história verídica). Mesmo proibindo profetadas de casamento no púlpito , o desalmado processo de "confirmação" está arraigado em todos os membros - mesmo os que não acreditam totalmente.

_________________
Porque para tudo existe um tempo.

Peregrina

Mensagens : 379
Pontos : 480
Data de inscrição : 16/07/2013
Localização : Espírito Santo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Casamentos com outros irmãos de outras igreja - Para se pensar...

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum