NAS PEGADAS DO MESTRE JESUS
Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Setembro 2017
SegTerQuaQuiSexSabDom
    123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930 

Calendário Calendário

Quem está conectado
92 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 92 Visitantes :: 2 Motores de busca

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 473 em 30th Agosto 2014, 11:05 pm
Social bookmarking

Social bookmarking Digg  Social bookmarking Delicious  Social bookmarking Reddit  Social bookmarking Stumbleupon  Social bookmarking Slashdot  Social bookmarking Yahoo  Social bookmarking Google  Social bookmarking Blinklist  Social bookmarking Blogmarks  Social bookmarking Technorati  

Conservar e compartilhar o endereço de <a href="http://oulorivallan.forumeiros.com/">nas pegadas do mestre JESUS</a> em seu site de social bookmarking

Conservar e compartilhar o endereço de NAS PEGADAS DO MESTRE JESUS em seu site de social bookmarking

Conectar-se

Esqueci minha senha

Flux RSS


Yahoo! 
MSN 
AOL 
Netvibes 
Bloglines 


Votação
Estatísticas
Temos 4279 usuários registrados
O último usuário registrado atende pelo nome de Maurício

Os nossos membros postaram um total de 29971 mensagens em 12905 assuntos

O DOCE AMARGO DO PECADO.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

O DOCE AMARGO DO PECADO.

Mensagem por Izaias em 13th Dezembro 2013, 1:25 pm

Desde aquele dia em que no jardim do Éden Adão e Eva disseram sim a satanás e lhe obedeceram, o pecado tornou-se nosso estilo de vida mais inerente.

Pecamos por atitudes.
Salmos 51
4 - Contra ti, contra ti somente pequei, e fiz o que é mal à tua vista, para que sejas justificado quando falares, e puro quando julgares.

Não aprendemos a pecar, pois já nascemos pecadores.
Salmos 51
5 - Eis que em iniqüidade fui formado, e em pecado me concebeu minha mãe.

Pecamos por pensamentos.
Salmos 66
18 - Se eu atender à iniqüidade no meu coração, o Senhor não me ouvirá;
19 - Mas, na verdade, DEUS me ouviu; atendeu à voz da minha oração.

Pecamos por palavras.
Eclesiastes 5
6 - Não consintas que a tua boca faça pecar a tua carne, nem digas diante do anjo que foi erro; por que razão se iraria DEUS contra a tua voz, e destruiria a obra das tuas mãos?
7 - Porque, como na multidão dos sonhos há vaidades, assim também nas muitas palavras; mas tu temes a DEUS.

Não há um só homem isento do pecado.
Romanos 3
10 - Como está escrito: Não há um justo, nem um sequer.
23 - Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de DEUS;
24 - Sendo justificados gratuitamente pela sua graça, pela redenção que há em Cristo Jesus.

Todos nós, sem exceção nenhuma, pecamos, e por isso, todos nós somos passíveis de condenação e punição eterna.
Romanos 6
23 - Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de DEUS é a vida eterna, por Cristo Jesus nosso Senhor.

Pecamos até mesmo por omissões.
Tiago 4
17 - Aquele, pois, que sabe fazer o bem e não o faz, comete pecado.

O pecado é tão íntimo da vida humana que o só afirmar que não tem pecado já é essencialmente um pecado!
I João 1
8 - Se dissermos que não temos pecado, enganamo-nos a nós mesmos, e não há verdade em nós.
10 - Se dissermos que não pecamos, fazemo-lo mentiroso, e a sua palavra não está em nós.

Depois da queda de Adão, o pecado se tornou uma prática “natural” a todos os homens. Pecar é algo tão comum que por vezes não percebemos.
O pecado está tão entranhavelmente ligado aos nossos costumes e estilos que o encaramos como uma das principais opções de vida.
Romanos 7
22 - Porque, segundo o homem interior, tenho prazer na lei de DEUS;
23 - Mas vejo nos meus membros outra lei, que batalha contra a lei do meu entendimento, e me prende debaixo da lei do pecado que está nos meus membros.

O pecado nos afasta de DEUS porque todo pecado constitui-se uma corrida para longe dos braços do Senhor. Toda vez que pecamos, abandonamos a presença de DEUS e a trocamos pela presença do seu inimigo. Nosso caráter acaba sendo marcado por traços malignos e nossa imagem se reproduz deixando-nos parecidos com o adversário.
Rejeitamos a DEUS e apegamo-nos ao inimigo toda vez que abrigamos em nossa vida ações que vão contra os princípios morais que o Senhor estabeleceu para suas criaturas.
Todos nós temos uma tendência natural (física e mental) para pecar. Ele está intimamente ligado aos nossos membros.
É como comer. Ninguém aprende a comer; é uma necessidade básica de todo ser vivo. Assim também o pecado acabou se tornando como uma “necessidade” básica de todo ser humano! Ele consiste na distorção de tudo o que DEUS criou bom. Nasceu no céu com Lúcifer, e foi passado aos homens com a desobediência primária ou O Doce Amargo do Pecado; pecado original de Adão e Eva no Éden.
Pecamos em pelo menos três estágios de motivação: Escravidão, Hábito adquirido e Escolha.
Porque somos pecadores, erramos o alvo que DEUS tem para nós, nos tornamos maus e imorais. Nossa vida se reveste de uma injustiça e não conseguimos por nós mesmos viver um tipo de vida que não seja ilegal.
O pecado que está ligado; intimamente, a nossa alma é escuridão ele apaga a luz de DEUS em nosso coração e onde ele opera a escuridão domina.
Invariavelmente a vitória sobre o pecado é resultado de um relacionamento real e sincero com DEUS.
Para isso todos nós temos que abrir o coração e deixar que o Espírito Santo nos convença de que há uma vida justa da qual estamos distantes, somos pecadores e merecemos ser julgados e condenados.
Todo homem que deseja vencer a escravidão do pecado precisa se tornar filho de DEUS e essa filiação tem sua origem na aceitação do Senhor Jesus.
João 1
10 - Estava no mundo, e o mundo foi feito por ele, e o mundo não o conheceu.
11 - Veio para o que era seu, e os seus não o receberam.
12 - Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de DEUS, aos que crêem no seu nome;
13 - Os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de DEUS.

Muitos têm tentado vencê-lo por meios naturais e meramente racionais, mas sem sucesso. Uma vida transformada sempre abriga uma mente renovada! E essa renovação da mente é uma obra singular do Espírito Santo. A transformação da vida é uma obra que DEUS almeja para todos.
I Timóteo 2
1 - ADMOESTO-TE, pois, antes de tudo, que se façam deprecações, orações, intercessões, e ações de graças, por todos os homens;
2 - Pelos reis, e por todos os que estão em eminência, para que tenhamos uma vida quieta e sossegada, em toda a piedade e honestidade;
3 - Porque isto é bom e agradável diante de Deus nosso Salvador,
4 - Que quer que todos os homens se salvem, e venham ao conhecimento da verdade.

Apesar de sermos pecadores com a dignidade suficiente para irmos para o inferno, há um amor incomparável em DEUS por nós.
Romanos 5
8 - Mas DEUS prova o seu amor para conosco, em que Cristo morreu por nós, sendo nós ainda pecadores.

O pecado original não frustrou o plano inicial de DEUS, mas deixou-nos inaptos para vivê-lo. Nossos pecados embora nos afastem de DEUS, não podem diminuir o ritmo, a altura, largura ou profundidade desse amor.
I João 4
10 - Nisto está o amor, não em que nós tenhamos amado a Deus, mas em que ele nos amou a nós, e enviou seu Filho para propiciação pelos nossos pecados.
11 - Amados, se DEUS assim nos amou, também nós devemos amar uns aos outros.
12 - Ninguém jamais viu a DEUS; se nos amamos uns aos outros, DEUS está em nós, e em nós é perfeito o seu amor.
13 - Nisto conhecemos que estamos nele, e ele em nós, pois que nos deu do seu Espírito.
14 - E vimos, e testificamos que o Pai enviou seu Filho para Salvador do mundo.
15 - Qualquer que confessar que Jesus é o Filho de DEUS, DEUS está nele, e ele em DEUS.
16 - E nós conhecemos, e cremos no amor que DEUS nos tem. DEUS é amor; e quem está em amor está em DEUS, e DEUS nele.
17 - Nisto é perfeito o amor para conosco, para que no dia do juízo tenhamos confiança; porque, qual ele é, somos nós também neste mundo.
18 - No amor não há temor, antes o perfeito amor lança fora o temor; porque o temor tem consigo a pena, e o que teme não é perfeito em amor.
19 - Nós o amamos a ele porque ele nos amou primeiro.
20 - Se alguém diz: Eu amo a DEUS, e odeia a seu irmão, é mentiroso. Pois quem não ama a seu irmão, ao qual viu como pode amar a DEUS, a quem não viu?
21 - E dele temos este mandamento: que quem ama a DEUS ame também a seu irmão.

E esse mesmo amor gera remissão para nós. Por meio da remissão, que significa comprar por um preço para tirar da escravidão, o homem pode ser completamente lavado do seu pecado e feito herdeiro de um viver santo. E o preço para tal vida santificada só pôde ser pago por Jesus, com sangue puro, inocente e completamente impecável. Mostrando assim como seu amor vai além de palavras.

_________________
Afaste de si o veneno da lisonja. Não creia naqueles que o elogiam sem motivo. Prefira ouvir uma critica honesta, a um galanteio vazio.


avatar
Izaias

Mensagens : 2065
Pontos : 2479
Data de inscrição : 17/06/2011
Idade : 65
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum