NAS PEGADAS DO MESTRE JESUS
Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Últimos assuntos
Abril 2018
SegTerQuaQuiSexSabDom
      1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30      

Calendário Calendário

Quem está conectado
42 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 42 Visitantes :: 2 Motores de busca

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 473 em 30th Agosto 2014, 11:05 pm
Social bookmarking

Social bookmarking digg  Social bookmarking delicious  Social bookmarking reddit  Social bookmarking stumbleupon  Social bookmarking slashdot  Social bookmarking yahoo  Social bookmarking google  Social bookmarking blogmarks  Social bookmarking live      

Conservar e compartilhar o endereço de <a href="http://oulorivallan.forumeiros.com/">nas pegadas do mestre JESUS</a> em seu site de social bookmarking

Conservar e compartilhar o endereço de NAS PEGADAS DO MESTRE JESUS em seu site de social bookmarking

Conectar-se

Esqueci minha senha

Flux RSS


Yahoo! 
MSN 
AOL 
Netvibes 
Bloglines 


Votação
Estatísticas
Temos 4303 usuários registrados
O último usuário registrado atende pelo nome de Jose Aparecido Rodrigues

Os nossos membros postaram um total de 30163 mensagens em 13085 assuntos

Sexo antes do casamento me faz perder a salvação?

Ir em baixo

Sexo antes do casamento me faz perder a salvação?

Mensagem por Lourival soldado cristão em 4th Junho 2014, 4:40 pm








Sexo antes do casamento me faz perder a salvação?

Suas perguntas vieram em sequência, mas pela última deu para entender o que você realmente queria saber:

1. Depois de salvo, não perdemos mais a salvação mesmo que venhamos a pecar (adulterar, fornicar, matar etc) e, se assim for, podemos pecar à vontade?

2. Uma pessoa que aceitou a Cristo e adulterou se esquecendo de Deus e sem se importar com sua salvação irá perdê-la?

3. Eu e minha namorada perderemos a salvação se tivermos relações sexuais antes do casamento?

Todas as suas dúvidas parecem se resumir na preocupação com a possibilidade de ter relações sexuais fora do casamento.

Uma pessoa que realmente creu em Jesus como Salvador recebeu uma nova vida que veio de Deus (nasceu de novo), portanto agora seu corpo é o templo do Espírito Santo que habita nessa pessoa. Ela já não pertence a si mesma, mas ao Senhor que morreu para salvá-la. Será que você é essa pessoa?

Se for, vai saber o quanto o Senhor sofreu para pagar por seus pecados, e vai saber que a partir do momento em que você se tornou uma ovelha dEle, ninguém mais poderá arrebatar você das mãos do Pai, nem mesmo você, o pecado ou o diabo. O poder que salvou você é maior do que qualquer poder que você, o pecado ou o diabo tenham. Ao se tornar um membro do corpo de Cristo passou a fazer parte dele como seu braço ou perna fazem parte de seu corpo. Você não deixaria alguém arrancá-lo, não é mesmo?

Ao reconhecer tudo o que o Senhor fez por você, seu coração se encherá de tamanha gratidão que a pior coisa do mundo para você será desagradar aquele que morreu em seu lugar. Portanto nem iria passar pela sua cabeça que agora você está livre para fazer o que bem entender, porque se achar assim certamente ainda não entendeu o que Cristo fez por você e está achando que sua salvação depende de seus méritos.

A coisa funciona assim: imagine um médico que salvou sua vida e não cobrou nada por isso. Você pensaria em se aproveitar dele, de sua generosidade? De jeito nenhum. Se você realmente entendeu da situação crítica que ele tirou você ficaria eternamente grato e faria qualquer coisa que ele lhe pedisse.

A idéia de sermos salvos por nossas obras ou de nos mantermos salvos por elas nos dá direitos. Uma pessoa que fez tudo direitinho, obedeceu etc. poderia chegar a Deus e cobrar a salvação ou uma bênção, como faz o empregado no fim do mês. O patrão deve a ele o salário. Se a salvação fosse por cumprirmos as regras estabelecidas por Deus faríamos dele nosso devedor caso as cumpríssemos.

Mas como a salvação é por pura graça, sem qualquer participação nossa no processo, não podemos cobrar nada de Deus, mas Deus pode cobrar o que quiser de nós. Nós ficamos devedores dele como você ficaria do médico do exemplo acima.

Portanto, acho que a melhor pergunta não seria se você perde a salvação, mas se iria querer desagradar Aquele que morreu por você. Você quer ir contra a vontade de seu Salvador? Você acredita que se sentirá bem depois disso ou que isso trará bênçãos e felicidade para você? Você sabe a resposta.


Postado por Mario Persona

_________________
http://igrejacristaavivada.org/

avatar
Lourival soldado cristão

Mensagens : 11180
Pontos : 24680
Data de inscrição : 23/12/2009
Idade : 60
Localização : Sao paulo

http://ccbsemcensurasnaspeg.forumeiros.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

O amor é maduro!

Mensagem por Profeta ccb em 15th Fevereiro 2015, 10:44 am

A maturidade espiritual é fundamental na vida de qualquer pessoa, uma vez que é a base para tudo. Não há possibilidade de entrar num relacionamento dentro da vontade divina, sem ter um relacionamento real com Deus.
Estar maduro espiritualmente é estar bem consolidado na fé. É não ser deixado levar por sentimentos ou circunstâncias. É ser autônomo no seu relacionamento com Deus. Uma pessoa espiritualmente madura sabe reconhecer sua necessidade de Deus e vai ao encontro dEle sem precisar ser empurrada pelos outros.

Sabe quando você percebe que está amadurecendo?
Quando suas reações aos nãos de Deus deixam de produzir atos de rebeldia e passam a tranquilidade da arte de esperar pelo melhor de Deus. Os maduros tem a capacidade de identificar que ainda não estão prontos e que por isso não podem desfrutar de certas bênçãos. A maturidade nos faz enxergar quanto tempo perdemos olhando para nosso próprio umbigo enquanto ao nosso redor há muitas outras coisas importantes para nos preocuparmos. A maturidade nos faz ser menos egoístas e mais compreensivos com as necessidades dos outros. A maturidade nos faz sermos discretos e guardarmos o nosso coração do exibicionismo. A maturidade nos faz entender que não podemos ser movidos por paixão, uma vez que a linguagem de Deus é o amor. A maturidade nos faz ser comprometidos com o Reino de Deus. Nos faz zelar por uma vida de santidade e testemunho. A maturidade ignora as picuinhas do tipo: fulano não me cumprimentou...Beltrano não vai com a minha cara...
A maturidade nos faz entender que a correção das nossas atitudes é necessária e gera cura em nossas almas. A maturidade nos ensina nem tudo é preciso ser dito, mas sim refletido em nossa mente. A maturidade nos faz olhar além das circunstâncias.
Pessoas verdadeiramente maduras não ficam murmurando no tempo de espera, mas aproveitam o tempo para investir no seu futuro.
Os maduros sabem esperar. Os maduros desistem de fazer as coisas do seu próprio jeito. Os maduros pensam muitas vezes antes de tomar alguma decisão e pronunciar palavras.
Os maduros aprendem que não podemos abrir o coração com qualquer pessoa. O maduro entende que sua vida com Deus é o maior bem que Ele pode possuir na vida e zela por isso.
O maduro sabe discernir o tempo de brincar e o tempo de ser sério.
Os maduros não escolhem esperar porque é a “moda do momento”, mas sim porque compreendem que este é o melhor caminho. Os maduros não ficam esperneando e questionando a Deus, eles têm a plena convicção que Deus conduz os seus passos, mesmo quando estão em meio às crises da vida.
Por que uma pessoa imatura não pode se casar?
Parece óbvio, mas precisa ser dito! Relacionamento amoroso não é brincadeira de casinha! Não é apenas sentir a alegria de ter alguém do seu lado!
 Tem muita gente imatura por aí querendo se casar e que desastre seria se Deus permitisse que as coisas acontecessem no tempo que os imaturos querem...
Para poder se casar, é necessário ser maduro. Maduro para aprender que o amor o levará a muitas renúncias.  
O que nos torna maduros é passar pela provação e aprender a lição!
As pessoas mais maduras são aquelas que após enfrentar diversas adversidades, apresentam os frutos do espírito. (Gl 5)
Quem é maduro se submete a ouvir conselhos.
Uma pessoa madura jamais vai colocar um romance acima de Deus. Por isso, se relacionar em jugo desigual é algo que nunca fará parte da sua vida.
Você demonstra ser maduro, quando as influências externas não mudam suas convicções internas.
Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, discorria como menino, mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino. (Coríntios 13:11)
Se você leu este texto e se sentiu desconfortável, não desanime, é a voz de Deus lhe dizendo: Cresça e amadureça meu filho!
POR SIMONE MESSINA /com profeta ccb

_________________
[size=16]Homem  CCB[/size]

Profeta ccb

Mensagens : 359
Pontos : 494
Data de inscrição : 28/09/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum