NAS PEGADAS DO MESTRE JESUS
Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Abril 2017
SegTerQuaQuiSexSabDom
     12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

Calendário Calendário

Quem está conectado
67 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 67 Visitantes :: 2 Motores de busca

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 473 em 30th Agosto 2014, 11:05 pm
Social bookmarking

Social bookmarking Digg  Social bookmarking Delicious  Social bookmarking Reddit  Social bookmarking Stumbleupon  Social bookmarking Slashdot  Social bookmarking Yahoo  Social bookmarking Google  Social bookmarking Blinklist  Social bookmarking Blogmarks  Social bookmarking Technorati  

Conservar e compartilhar o endereço de <a href="http://oulorivallan.forumeiros.com/">nas pegadas do mestre JESUS</a> em seu site de social bookmarking

Conservar e compartilhar o endereço de NAS PEGADAS DO MESTRE JESUS em seu site de social bookmarking

Conectar-se

Esqueci minha senha

Flux RSS


Yahoo! 
MSN 
AOL 
Netvibes 
Bloglines 


Votação
Estatísticas
Temos 4124 usuários registrados
O último usuário registrado atende pelo nome de Vicente Silva

Os nossos membros postaram um total de 29501 mensagens em 12454 assuntos

"Como deve o cristão reagir à oração não respondida?"

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

"Como deve o cristão reagir à oração não respondida?"

Mensagem por Lourival soldado cristão em 4th Julho 2014, 2:58 pm



Pergunta: "Como deve o cristão reagir à oração não respondida?"

Resposta: Quantos cristãos têm orado por alguém, só para ver suas orações ficarem sem resposta? Quantos têm orado e talvez "desistiram" porque ou tornaram-se desencorajados por uma fraqueza de fé ou por terem chegado à conclusão de que aquilo pelo qual têm orado não é a vontade de Deus? No entanto, a forma como lidamos com a oração sem resposta não é apenas para o nosso próprio benefício, mas para o benefício de outros também. Quando oramos, estamos nos engajando no mais precioso ato de comunicação com Aquele (e dado por Ele) a quem devemos prestar contas de todas as nossas atividades. Fomos realmente comprados por um alto preço - o sangue do Senhor Jesus Cristo - e, portanto, pertencemos a Deus.

A oração é um privilégio dado a nós por Deus, e é nosso tanto agora quanto quando foi dado a Israel (Deuteronômio 4:7). No entanto, quando oramos ou falamos com o Senhor, há momentos em que Ele parece não responder. Pode haver muitas razões para isso, e as Escrituras sugerem por que e como as nossas orações estão sendo tratadas por Aquele que é tão terno e amoroso e que ama a nossa comunhão com Deus, o Pai, pois Ele mesmo é o nosso representante (Hebreus 4:15).

A principal razão pela qual a oração não é atendida é pecado. Não é possível zombar de ou enganar a Deus, e Aquele que está entronizado nos céus nos conhece intimamente, até todos os nossos pensamentos (Salmo 139:1-4). Se não estivermos andando no Caminho ou se cultivarmos inimizade em nossos corações para com o nosso irmão ou se pedirmos por coisas com as motivações erradas (com desejos egoístas), então podemos esperar que Deus não responderá à nossa oração porque Ele não as ouve (2 Crônicas 7:14, Deuteronômio 28:23, Salmo 66:18, Tiago 4:3). O pecado é o "empecilho" para todas as potenciais bênçãos que receberíamos da infinita misericórdia de Deus! De fato, há momentos em que as nossas orações são abomináveis aos olhos do Senhor, mais notadamente quando claramente não pertencemos ao Senhor, quer seja por causa da incredulidade (Provérbios 15:Cool, ou porque estamos praticando a hipocrisia (Marcos 12:40).

Uma outra razão pela qual a oração parece ir ficar sem resposta é que o Senhor está tirando da nossa fé uma dependência mais profunda e confiança nEle, o que deve trazer de nós um profundo senso de gratidão, amor e humildade. Por sua vez, isso nos beneficia espiritualmente, pois Ele dá graça aos humildes (Tiago 4:6; Provérbios 3:34). Oh, como se sente por aquela pobre mulher cananeia, que clamava incessantemente ao Senhor por misericórdia quando Ele estava visitando a região de Tiro e Sidom (Mateus 15:21-28)! Ela não era uma pessoa à qual um rabino judeu prestaria atenção. Ela não era judia e era uma mulher, dois motivos pelos quais os judeus a ignoraram. O Senhor parece não responder às suas petições, mas Ele sabia tudo sobre a sua situação. Ele pode não ter respondido às suas necessidades declaradas imediatamente, mas ainda assim Ele ouviu e concedeu o seu pedido. 

Deus muitas vezes pode parecer silencioso para nós, mas Ele nunca nos manda embora de mãos vazias. Mesmo se a oração não foi respondida, temos de confiar que Deus responderá em Seu próprio tempo. O próprio exercício da oração é uma bênção para nós; é por causa da nossa fé que continuamos a persistir em oração. É a fé o que agrada a Deus (Hebreus 11:6), e se a nossa vida de oração está fraca, isso não reflete a nossa condição espiritual também? Deus ouve os nossos clamores empobrecidos por misericórdia, e o Seu silêncio nos faz arder com um senso de persistência na oração. Ele ama quando raciocinamos com Ele. Vamos desejar ardentemente pelas coisas que são segundo o coração de Deus e que andemos nos Seus caminhos e não nos nossos. Se formos fiéis em orar sem cessar, então estamos vivendo na vontade de Deus, e isso nunca pode estar errado (1 Tessalonicenses 5:17-18).





Tens Perguntas? Questões Bíblicas Respondidas.
www.GotQuestions.org/Portugues




_________________
http://igrejacristaavivada.org/

avatar
Lourival soldado cristão

Mensagens : 11134
Pontos : 24554
Data de inscrição : 23/12/2009
Idade : 59
Localização : Sao paulo

http://ccbsemcensurasnaspeg.forumeiros.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum